Início » Últimas » O pelourinho de Alvalade em 1907 por Silva Leal

O pelourinho de Alvalade em 1907 por Silva Leal

pelourinho1907O pelourinho de Alvalade, que se conserva em estado razoável, como se vê da respectiva gravura, que hoje publicamos, está situado na praça, junto ao cunhal da antiga casa da câmara e onde esta faz esquina com a rua de Lisboa. A coluna d’este pelourinho, que é redonda, sem o mais pequeno feitio, é toda de granito. É elle composto de três partes: – base, coluna e capitel, estando a coluna separada da parede cerca de 20 centímetros e terminando por uma espécie de gorra. O pedestal, que tem apenas quatro degraus na frente, é de alvenaria. Ao Sr. Francisco Soares Victor, distincto redactor e proprietário do nosso collega “Campo d’ Ourique”, agradecemos a oferta expontânea da photographia do pelourinho de Alvalade, que veio enriquecer a nossa collecção de tão históricos monumentos, pelo que lhe testemunhamos aqui o nosso mais profundo reconhecimento.

_Silva Leal

“Os Pelourinhos” in “A nossa Pátria” (1907)

3 Respostas a O pelourinho de Alvalade em 1907 por Silva Leal

  1. Maria Dores Carvalho Amado Responder

    13 de Dezembro de 2013 em 20:11

    A noticia, nesta noticia de que teria sido o Sr Francisco Soares Vitor a oferecer a fotografia do pelourinho a Alvalade vai levar-me a novamente tentar saber mais sobre a nossa Câmara, isto é a alguns documentos, que porventura existam em Messejana. Segunda feira passada, almocei, precisamente com o neto do falecido senhor e que tem o nome quase igual ao do avó. O pai, o dr. Juiz Soares Vitor, faleceu há 64 anos….

  2. admin Responder

    14 de Dezembro de 2013 em 9:57

    Existem informações e registos que dão conta de que o prestigiado notário messejanense Francisco Soares Victor terá confidenciado em vida possuir documentação do antigo concelho de Alvalade que pretendia restituir. Julgo que não terá tido tempo para o fazer, mas isso só se saberá se poderá ser feito no dia em que as instituições de Alvalade tiverem vontade para iniciar contactos e negociações com os seus herdeiros e família.
    _LPR

  3. Maria Dores Carvalho Amado Responder

    14 de Dezembro de 2013 em 10:12

    Tentarei dentro do que me for possível, continuar a minha ” pesquisa”, sobre este potencial de documentos que porventura continuem no espólio do falecido. Há um escritório “museu” onde estão esses pertences, talvez, também esses…Alvalade, Messejana…..Campo de Ourique…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.