Início » Últimas » Caminhos com história

Caminhos com história

estradaponteromanaQuem percorre o caminho a partir do fim da rua de Lisboa, que entra pelo vale de Campilhas e passa pela ponte romana está longe de imaginar a importância e o uso que aquela via já teve noutros tempos…

Desembocando na rua de Lisboa, uma das principais entradas e saídas da vila durante muitos séculos, aquela antiga estrada serviu Alvalade pelo menos desde a época romana. A ligação entre a cidade romana de Miróbriga e Vipasca (Aljustrel) por ali passava, com a velha ponte de Campilhas  a permitir a transposição da ribeira e assegurando a normalidade na circulação de pessoas e bens entre as duas povoações, com passagem por Alvalade, que desde sempre beneficiou da sua localização privilegiada e estratégica. Toda a sorte de gente percorreu aquela estrada durante muitos séculos. Mercadores, almocreves, pastores, agricultores, cavaleiros, romeiros, feirantes, mendigos, viajantes, mas também forças militares, escravos e bandidos. Foi também por ali que o Rei D. Miguel I, já deposto, seguiu rumo a Sines com o seu séquito e uma escolta militar, no dia 1 de Junho de 1834, depois de pernoitar em Alvalade. Um caminho carregado de história que o desenvolvimento de Alvalade reduziu a um simples acesso aos terrenos agrícolas de Campilhas, e que justifica um projecto de valorização e a sua integração num roteiro temático da freguesia.

_LPR

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.